Tipos de Fusíveis – Como funciona, Dimensionamento e Categorias

Toda instalação elétrica precisa de dispositivos de proteção que protejam o circuito de eventuais curto-circuitos e sobrecargas. Um destes dispositivos de proteção é o fusível. Então neste artigo trataremos sobre os tipos de fusíveis e suas características e também falaremos um pouco sobre o que são e como funcionam os fusíveis.





 

O que são os fusíveis?

Os fusíveis são dispositivos e proteção que tem a função de proteger os circuitos elétricos contra problemas causados por curto-circuito e sobrecargas.

Os fusíveis são utilizados geralmente em instalações domésticas e em circuitos que envolve a indústria leve. Eles são bem simples e econômicos, o que influencia a sua amplamente utilização.

A principal característica de um fusível é a sua corrente nominal, isto é, o valor máximo de corrente que o fusível suporta sem se romper, abrindo assim o circuito.

 

Estrutura dos fusíveis

Base: A base é a parte responsável por suportar da estrutura do fusível.

Porta fusível: O porta fusíveis é o local onde se encaixa o fusível, através dele a instalação do fusível é mais prática e rápida.

Anel de proteção: O anel tem a função de Proteger a rosca da base, evitando o contato da rosca da base com o circuito.

Fusível: O fusível é a parte substituível que contém o elo fusível em seu interior. O fusível encaixa dentro do porta fusível. O valor de corrente que o fusível suporta geralmente vem expressa em seu corpo.

Indicador: É a indicação visual de operação do fusível.

 

Funcionamento dos fusíveis

Os fusíveis são constituídos por um pequeno trecho condutor de um material que possui baixo ponto de fusão. O aquecimento provocado por uma corrente elevada funde o elemento, abrindo o circuito, ou seja, o fusível se rompe ao percorrer por ele uma corrente acima do que ele suporta.

OPS: Os Fusíveis são uma boa proteção contra curtos-circuitos, mas não são muito adequados contra sobrecargas. Para sobrecargas é mais aconselhável utilizar os disjuntores.

 

Dimensionamento de Fusíveis

Para fazer o dimensionamento de um fusível é necessário ter em mãos as seguintes informações:

– Corrente nominal do circuito ou ramal.

– Corrente de curto-circuito;

– Tensão nominal.

OPS: Lembre-se e o fusível também tem uma Tensão máxima de trabalho.

 

Categoria dos fusíveis

A categoria dos fusíveis é indicada por meio de duas letras, sendo a primeira letra minúscula e a segunda letra maiúscula, confira abaixo:

 

Primeira letra Minúscula – Faixa de Interrupção dos fusíveis

a – Fusível limitador de corrente, atuando somente na presença de curto-circuito.

g – Fusível limitador de corrente, atuando na presença tanto de curto-circuito como de sobrecarga.

 

Segunda letra Maiúscula – Categoria de Utilização

G – Proteção de linha, uso geral.

M – Proteção de circuitos motores.

L – Proteção de linha.

Tr – Proteção de transformadores.

R – Proteção de semicondutores, ultrarrápidos.

S – Proteção de semicondutores e linha (combinado).

 

Confira através destes 3 exemplos como aplicar as letras:

aM – Fusível para proteção de motores – atuação para curto-circuito.

– Fusíveis de Efeito Retardo- São usados em circuitos em que a corrente elétrica de partida alcança valores maiores que a corrente normal de funcionamento. Temos como exemplo os motores elétricos.

gL/gG – Fusível para proteção de cabos e uso geral – atua tanto em sobrecarga quanto em curto-circuito.

– Fusíveis de Efeito Rápido- São utilizados em circuitos elétricos que não possuem considerável variação de corrente elétrica . Temos como exemplo as Luminárias e fornos.

aR – Fusível para proteção de semicondutores – atuação para curto-circuito

– Fusíveis de Efeito Ultra Rápido- São utilizados em instalações industriais, na proteção de semicondutores. Temos como exemplo os equipamentos com circuitos eletrônicos.

 

Tipos de fusíveis

Existem diversos tipos de fusíveis com características e aplicações diferentes, tentaremos listar alguns tipos de fusíveis e suas características.




 

Fusíveis de vidro

Os fusíveis de vidro são usados para proteger circuitos eletroeletrônicos, filtros de linha, estabilizadores de tensão, entre outros.

tipos de fusíveis
tipos de fusíveis

 

Fusível tipo Rolha

Os fusíveis tipo rolha são fusíveis de baixa tensão, onde um dos contatos é uma peça roscada, que se fixa no contato roscado correspondente da base. A norma que certifica estes tipos de fusíveis é a NBR5113, NBR5117 e a NBR6280. Este fusível se tornou obsoleto há alguns anos e raramente é encontrado no mercado.

fusível tipo rolha
fusível tipo rolha





 

Fusíveis tipo cartucho

Este fusível é de baixa tensão, cujo elemento fusível é encerrado em um tubo protetor feito com material isolante, com contatos nas extremidades.

fusível tipo cartucho
fusível tipo cartucho

 

Fusíveis NH

Estes Fusíveis são utilizados para a proteção de curto-circuito e sobrecarga em circuitos elétricos industriais.

N: Baixa Tensão, H: Alta Capacidade

Características:

  1. Possui categoria de utilização gL/gG.
  2. Se apresentam em tamanhos que atendem as correntes nominais de 6 a 1250A.
  3. Limitadores de corrente – Possuem elevada capacidade de interrupção: 120kA em até 500VCA.
  4. Através da utilização de punhos, garantem manuseio seguro na montagem ou substituição dos fusíveis.
fusível nh
fusível NH

 

Fusíveis DIAZED

Estes fusíveis são usados na proteção de curto-circuito em instalações elétricas.

Características

  1. Permitem o seu manuseio sem riscos de toque acidental.
  2. Possui categoria de utilização gL/gG.
  3. Se apresentam em tamanhos (DI, DII e DIII) e atendem as correntes nominais entre 2A até 100A.
  4. Limitadores de corrente –  Possuem elevada capacidade de interrupção: 2 até 20A – 100kA – 25 a 63A – 70kA – 80 e 100A – 50k em até 500VCA
  5. Através de parafusos de ajuste, é possível impedir a mudança para valores superiores, preservando assim as especificações do projeto.
Fusíveis DIAZED
Fusíveis DIAZED

 

Fusíveis NEOZED

Estes fusíveis possuem tamanho reduzido.

Características:

  1. Possui categoria de utilização gL/gG,
  2. Se apresenta em tamanhos (D01 e D02) e atende as correntes nominais de 2 a 100A.
  3. Limitadores de corrente – são aplicados para até 50kA em 400VCA.
  4. O seu formato de construção garante total proteção contra toque acidental durante a montagem ou substituição do fusível.
  5. Este tipo de fusível possui anéis de ajuste que evitam a alteração dos fusíveis para valores superiores.
  6. A fixação pode ser rápida por engate sobre trilho ou por parafusos.
Fusível NEOZED
Fusível NEOZED

 

Fusíveis SITOR

Estes fusíveis são de ação ultra-rápidos, e são apropriados para instalações industriais e para a proteção de semi-condutores, diodos.

Características:

  1. Possuem Categoria de utilização gR / aR e atendem as correntes nominais de 16A a 900 A.
  2. Pode ser encontrado em tamanhos (1 e 2) e podem ser usados em VAC (de 690 a 2500V) ou VDC (de 440 a 600 V).
  3. Através da utilização de punhos, garantem manuseio seguro na montagem ou substituição dos fusíveis.
Fusível SITOR
Fusível SITOR

 

Fusíveis SILIZED

Os fusíveis SILIZED são fusíveis de ação ultra-rápida e são utilizados na proteção de curto-circuito de semi-condutores.

Características:

  1. Não possui riscos de toque acidental durante o seu manuseio.
  2. Possuem categoria de utilização gR.
  3. Se apresentam em tamanhos que atendem as correntes nominais de 16A a 100A.
  4. Limitadores de corrente – Possuem elevada capacidade de interrupção: 50kA em até 500VCA.
  5. Por intermédio de parafusos de ajuste, é possível evitar alterações dos fusíveis, preservando as especificações do projeto.
  6. Permitem a fixação rápida por engate, sobre trilho ou parafusos.
Fusível SILIZED
Fusível SILIZED

 

Fusíveis Cilíndricos

São utilizados na proteção principalmente de máquinas e painéis.

Características:

  1. Eles Possuem categorias de utilização gG e aM.
  2. Se apresentam em correntes nominais de 1 a 100A.
  3. Estão disponível em tamanhos capazes de atuar em redes de tensão nominal até 500 VCA.
  4. Dentre outros tipos de fusíveis, o fusível cilíndrico se destaca por apresentar uma alta capacidade de interrupção de 100kA.
Fusíveis Cilíndricos
Fusíveis Cilíndricos

 

Fusíveis ELOS

Os fusíveis Elos são designados como tipos H, K e T.

– Tipo H – Elos fusíveis de alto surto.

– Tipo K – Elos fusíveis rápidos.

– Tipo T – Elos fusíveis lentos.

  • As Cordoalhas devem ser de cobre estanhado.
  • Botão e arruela devem ser de cobre estanhado ou prateado.
  • Os tubos devem ser de fibra vulcanizada internamente, resistentes ao tempo e com propriedades que auxiliam na extinção do arco.
Fusível ELOS
Fusível ELOS
5 (100%) 2 votes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CommentLuv badge